Redes Sociais é foco do STF, é o

O foco mesmo, é restringir o livre acesso dos cidadãos a imprensa livre (redes sociais).

Redes Sociais é foco do STF, é o

Por Crispiniano Daltro

No governo Lula o foco era Rádio Comunitária, rotulada de Rádios Piratas. Agora,  governo Bolsonaro são as Redes sociais e foco do STF, é o Fake News.

Gente, vamos deixar de ser concorrentes, torcedores e adversários. Temos que ter consciência, do que está por trás dessa ação do STF, ao alegar que é a garantia do livre exercício da imprensa e jornalistas, mas o foco mesmo, é restringir o livre acesso dos cidadãos a imprensa livre (redes sociais). 
É preciso ficar atento para as investidas desesperadas e feroz dos membros da Suprema Corte, que o alvo central são as mídias, a exemplo dos blogs livres, de controle estatal e das regras do mercado convencional, tais como as emissoras da comunicação, além dos interesses é claro, econômicos.

Observem a movimentação  do STF, que não e de hoje, mas sim de muito tempo, desde o governo Lula, que na época o alvo eram as Rádios Comunitárias,  Faixas Moduladas - FMs. Agora são os blogs livres, Instagram, Facebook,  whatsapp, até as TVs de acesso pelo YouTube. 

Os argumentos são sempre os mesmos que usaram pra fechar as Rádios Sociais,  Comunitarias, onde se tornaram criminalizadas e marginalizadas, rotuladas de Rádios Piratas! E nesse sentido o erro do presidente Lula, foi se curvar, pra as vontades das emissoras, como a Globo. Foi no  governo Lula, que mais se perseguiu e fechou rádios comunitárias, e assim perdendo a grande oportunidade de abrir o mercado livre de imprensa, e colocar a Globo no seu devido lugar.  

Se estiver errado, vejam que de um tempo pra cá, essa emissora, não faz um ataque contra os membros  ao STF, só ao Poder Executivo, como fez no governo de Lula, contra as "mentiras", ou um termo forasteiro ao dicionário brasileiro o famigerado "Fake News". 

Ao que me parece ser, o STF tenta fazer um jogo, pra desviar as atenções, como se fosse uma disputa entre seguidores da esquerda x direita, mas como pano de fundo, justificar o objeto do inquérito policial, no intuito de tentar convencer que estão desmontando as associações criminosas. Será? Mas na verdade, nesse momento é atingir em cheio as pessoas que dominam  as redes sociais que apoiam o presidente Bolsonaro, como fizeram com os militantes na época  do Presidente Lula.

Vejam que sandice, rotular blogueiros de "Gabinete do Ódio e Milicianos", talvez se espelhando no governo de FHC que denominava seus opositores, rotulando com o termo "SINDICATOS DO CRIME", numa tentativa de relacionar a oposição do PT, o sindicalismo sustentável da esquerda. Talvez, tomando como exemplo a orientação de advogados do PCC, da época, na práticas dos boatos, das quintas-feiras, hj conhecidas por "Fake News". 
Aliás, tempo sombroso  em que os membros da facção do PCC, fazer exigências de TV Plasma 40 polegadas e colchões, pra presidiários assistirem a Copa do Mundo, como troca, em suspender assassinatos de policiais paulistas.

Posso até está enganado, mas  no meu entendimento, o que está por trás dessa "ordem", não passa de uma estratégia pra proteger o mercado da mídia de tv e rádios, subordinados as regras convencionais, e de censura a livre expressão do povo, sob argumentos  pífios, e inconstitucionais, pra salvaguardar o direito e garantir a liberdade do exercício de imprensa. Mas só das oficiais de mercado.

O que estou vendo é o  Estado, a serviço de  interesses privados, sejam de pessoas jurídicas, como de pessoas físicas, de interesses de cidadãos públicos, privados, empresários, políticos e autoridades como juízes.

Só pra lembrar a esses detentores das Togas justieiras, de uma Corte suprema e poderosa, com membros, remunerados com verbas públicas, privilegiados de serem excluídos do controlo externo, juízes, que antes das redes sociais, livres e gratuitos, como os aplicativos, Facebook, WhatsApp e Blogs, antes tínhamos as Rádios Sociais comunitárias, que foram ferozmente perseguidas e  marginalizadas como responsáveis, exigindo o fechamento sob a justificativa de estarem invadindo as faixas de emissoras e até de torres de controle de tráfego aéreo. Foram condenadas por crimes fraudulentos e rotuladas de Rádio Pirata!Agora estão os Blogueiros  sendo criminalizados de Milicianos e os Blogs de "Gabinete do Ódio", como se fossem perigosos advogados do PCC e outras facções consideradas...

Fake News!